Græcia Antiqua INTRODUÇÃOARTECIÊNCIASFILOSOFIAGEOGRAFIAHISTÓRIALÍNGUALITERATURAMITOLOGIAMÚSICARELIGIÃO

Os poemas cíclicos

 
O sacrifício de Polixena

Além da Ilíada e da Odisseia, que chegaram até nós na íntegra, muitos outros poemas épicos foram criados durante o Período Arcaico, possivelmente para descrever e complementar temas mencionados, mas não tratados em detalhe nos poemas homéricos.

Comparativamente mais curtos e de autoria e datação difíceis de determinar, os poemas cíclicos (gr. Ἐπικὸς Κύκλος, lat. Cyclus epicus) sobreviveram em estado altamente fragmentário ou através de breves resumos e notas de antigos escoliastas[1]. Segundo críticos do calibre de Aristóteles, os poemas são literariamente inferiores às epopeias homéricas, mas exerceram grande influência nos decoradores de vasos e nos poetas trágicos do século -V. Todos foram escritos em hexâmetros dactílicos, metro próprio dos poemas épicos.

De acordo com o tema básico, a maioria dos poemas pode ser reunida em dois grandes grupos, o ciclo troiano e o ciclo tebano. De modo geral, todos são posteriores à Ilíada e à Odisseia e foram criados entre -700 e -500, aproximadamente. Convencionalmente, nem a Ilíada e nem a Odisseia são considerados parte desses poemas cíclicos.

Sobre alguns poemas, como por exemplo os Cantos Cípricos, estamos razoavelmente informados. Da maioria, no entanto, sabemos pouco mais do que o título, o possível autor e o tema em linhas bem gerais (listagem infra). Não é demais reiterar que nenhuma das suposições é segura, e mesmo os autores antigos, mais próximos da fonte, com frequência aludiam aos poetas cíclicos sem noméa-los, e.g. ‘o que compôs a Titanomaquia’ (Ath. 7.277D) e ‘os autores da Edipoidia’ (Σ E. Ph. 1750).

Ciclo tebano

Reúne poemas relacionados com Édipo e seus filhos, que viveram pouco antes da Guerra de Troia.

Οἰδιποδεία / Edipoidia
Cinéton, 6600 versos, sæc. -VII

Temas: a derrota da Esfinge, o casamento de Édipo com sua mãe e com Euriganeia

Θηβαίς / Tebaida
Anônimo, 7000 versos, sæc. -VII.

Temas: a disputa entre os filhos de Édipo, a luta dos Sete Chefes contra a cidade de Tebas e sua derrota

Ἐπιγόνοι Os Epígonos
Antímaco de Teos, 7000 versos, sæc. -VII.

Temas: a conquista de Tebas pelos filhos dos Sete Chefes

Ciclo troiano

Reúne os poemas épicos relacionados com a Guerra de Troia. Uma parte deles descreve os acontecimentos anteriores e posteriores aos eventos descritos na Ilíada; outra parte relata o retorno dos guerreiros gregos aos seus lares, depois de muitos anos de lutas, e relaciona-se com a Odisseia.

Κύπρια / Cantos Cípricos
Estasino, 11 livros, -550/-500.

Temas: das origens da Guerra de Troia até o início da Ilíada

Ἀιθιοπίς / Etiópida
Arctino de Mileto, 5 livros, fim do sæc. -VII.

Temas: novos aliados troianos, a amazona Pentesileia e o etíope Mêmnon, são mortos por Aquiles, que por vez é morto por uma flecha de Páris, guiada pelo deus Apolo; funerais de Aquiles

Ἰλιὰς μικρά / Pequena Ilíada
Lesques de Mitilene (ou Pirra), 4 livros, fim do sæc. -VII.

Temas: disputa pelas armas de Aquiles, suicídio de Ájax, a volta de Filoctetes e a chegada de Neoptólemo; o cavalo de Troia

Ἰλίου πέρσις / A destruição de Troia
Arctino de Mileto, 2 Livros, fim do sæc. -VII.

Temas: os gregos destroem Troia e recuperam Helena; o sacrifício de Polixena e a partida dos gregos

Νόστοι / Os retornos
Agias de Trezena, 5 livros, fim do sæc. -VII.

Temas: peripécias e destino dos guerreiros gregos em seu retorno ao lar

Τηλεγόνεια / Telegonia
Êugamon de Cirene, 2 livros, meados do sæc. -VI.

Temas: viagem de Odisseu à Tesprótia e peripécias de Telégono, filho de Odisseu e Circe, que mata inadvertidamente o pai

Outros poemas cíclicos

Menções, fragmentos e escólios esparsos nos levam a crer que outras epopeias existiram sem ligações diretas com a Guerra de Troia ou com Édipo.

Da Titanomaquia, da Tomada de Ecália e da Alcmeônida sabemos alguma coisa. A primeira, atribuída a Eumelo de Corinto ou a Arctino de Mileto, continha uma teogonia que começava com a união entre o Céu e a Terra e descrevia a luta entre Zeus e os titãs. A segunda, atribuída a Creófilo de Samos, contava uma das aventuras de Héracles, conhecida também a partir da tragédia As Traquinianas, de Sófocles. A terceira relatava as aventuras de Alcmeon, o filho de Anfiarau que, a exemplo de Orestes, matou a própria mãe para vingar a morte do pai.

Títulos como a Foceida, a Miníada e a Danaida, assim como poemas sobre o rapto de Europa, sobre a vingança de Medeia e sobre Héracles, seus doze trabalhos e outras aventuras (e.g. Cércopes), no entanto, são para nós pouco mais do que sombras fugidias.

Outras iluminuras

 
Tabula Iliaca Capitolina.

Notas

  1. Escólios (gr. sg. σχόλιον) são breves anotações nas margens de manuscritos gregos e latinos que comentam / esclarecem certas passagens do texto. Seus autores, habitualmente desconhecidos, são chamados de escoliastas. É possível que os primeiros escoliastas tenham sido Aristóteles e seus discípulos, mas a atividade parece ter se desenvolvido sistematicamente só mais tarde, com as atividades filológicas e literárias dos eruditos ligados à Biblioteca de Alexandria (Aristófanes de Bizâncio, Aristarco, Calístrato e outros). Essas antigas “notas de rodapé” são sempre referidas em relação ao autor e ao texto que comentam. A abreviatura padronizada Σ Ar. Ra. 67, por exemplo, significa ‘escólio / escoliasta de As Rãs de Aristófanes, verso 67’.

Créditos das ilustrações

i0761O sacrifício de Polixena → Ver comentários.
i1036Tabula Iliaca Capitolina → Ver comentários.

Links externos

Imprenta

Artigo nº 0582
publicado em 13/08/2006. Atualização: 28/02/2008.
Licença: CC BY-NC-ND 4.0
Como citar esta página:
RIBEIRO JR., W.A. Os poemas cíclicos. Portal Graecia Antiqua, São Carlos. URL: greciantiga.org/arquivo.asp?num=0582. Consulta: 18/08/2017.
 
Portal Grécia Antiga ISBN 1679-5709 On-line desde 04/11/1997 f   t   i   i Sobre o Portal Ajuda FAQs Mapa do site Termos de uso 30/04/2017 ← novidades Contato Outras páginas do autor
 Wilson A. Ribeiro Jr., 1997-2017