Græcia Antiqua INTRODUÇÃOARTECIÊNCIASFILOSOFIAGEOGRAFIAHISTÓRIALÍNGUALITERATURAMITOLOGIAMÚSICARELIGIÃO

Estasino / Cantos cípricos

 
O julgamento de Páris I

Cantos Cípricos (gr. Κύπρια) é o título tradicional de um poema cíclico relacionado com a Guerra de Troia, provavelmente composto no século -VII (Bernabé, 1996, p. 43) ou, de acordo com West (2003), na segunda metade do século -VI.

O autor parece ter sido um poeta chamado Estasino, que nasceu ou viveu em Chipre — e é só o que sabemos dele. Mesmo os eruditos antigos tinham dúvidas sobre a autoria do poema.

Restam apenas o argumento e alguns fragmentos do poema, escrito aparentemente em hexâmetros dactílicos, divididos em 11 livros. Perto da Ilíada o poema é apenas uma obra menor, com episódios pouco coesos (Arist. Po. 1459b) e mal alinhavados, mais parecido com um catálogo do que com uma epopeia.

Argumento

O texto foi escrito séculos depois da Ilíada e através dele o autor procurou mostrar as causas míticas da Guerra de Troia e descrever todos os acontecimentos anteriores à Ilíada. Conhecemos o argumento graças a Proclo, que conservou um resumo do texto em sua Crestomatia.

Zeus recebe um protesto de Gaia, cansada com o excesso de homens sobre ela, e planeja aliviá-la através de uma guerra de grandes proporções. Seus dois principais instrumentos serão Helena, que desencadeará a guerra, e Aquiles, que fará a maior parte da matança. Seguem-se as núpcias de Peleu e Tétis, o julgamento de Páris, o rapto de Helena, a formação do exército grego, a primeira expedição a Troia, a segunda reunião em Áulis e o sacrifício de Ifigênia, e os primeiros nove anos de guerra.

O poema termina abruptamente, e a sequência de acontecimentos continua na Ilíada, com a "cólera de Aquiles" (Il. 1.8- ...), situada no início do último ano da Guerra de Troia.

Fragmentos, edições e traduções

As mais antigas edições do resumo de Proclo e dos fragmentos são a de Henrichsen (1828) e Welcker (1834); as mais recentes são a de Allen (1911), Evelyn-White (1914), Bernabé (1987), Davies (1988) e West (2003).

Não há, ainda, tradução do argumento e dos fragmentos para o português. Traduzi apenas o trecho de Proclo que relata o sacrifício de Ifigênia (Ribeiro Jr., 2010, p. 81-2).

Referências

A. Bernabé, Poetarum Epicorum Graecorum Testimonia et Fragmenta, pars I, Stuttgart und Leipzig, Teubner, 1996. Martin L. West, Greek Epic Fragments, Cambridge and London, Harvard University Press, 2003. Wilson A. Ribeiro Jr., ʻΜηχαναί e outros enganos nas Ifigênias de Eurípidesʼ. In: Cardoso, Z.A. & Duarte, A.S. (org.), Estudos sobre o Teatro Antigo, São Paulo, Alameda, 2010, p. 39-50.

Créditos das ilustrações

i0472O julgamento de Páris I → Ver comentários.

Imprenta

Artigo nº 0749
publicado em 21/11/2007. Atualização: 13/04/2012.
Licença: CC BY-NC-ND 4.0
Como citar esta página:
RIBEIRO JR., W.A. Estasino / Cantos cípricos. Portal Graecia Antiqua, São Carlos. URL: greciantiga.org/arquivo.asp?num=0749. Consulta: 23/11/2017.
 
Portal Grécia Antiga ISBN 1679-5709 On-line desde 04/11/1997 f   t   i   i Sobre o Portal Ajuda FAQs Mapa do site Termos de uso 10/11/2017 ← novidades Contato Outras páginas do autor
 Wilson A. Ribeiro Jr., 1997-2017