Græcia Antiqua INTRODUÇÃOARTECIÊNCIASFILOSOFIAGEOGRAFIAHISTÓRIALÍNGUALITERATURAMITOLOGIAMÚSICARELIGIÃO
390 palavras

A arquitetura arcaica

 
Templo de Hera

O Período Arcaico notabilizou-se pelas monumentais construções comunitárias de pedra, como os enormes templos dedicados às numerosas divindades do panteão helênico, e pelos primórdios do planejamento urbano.

Entre -750 e -600, enquanto vasos de cerâmica e estatuetas passavam pela fase convencionalmente chamada de “orientalizante”, deu-se a lenta evolução dos pequenos e primitivos templos da Idade das Trevas, construídos com materiais leves e perecíveis (madeira e tijolos de barro), para amplas e perenes estruturas de pedra.

Telhas. Templo de Posídon, Ístmia

Acredita-se, embora com alguma reserva, que os arquitetos arcaicos teriam se inspirado nas monumentais edificações egípcias, conhecidas dos gregos desde o início do século -VII. Outra razão, mais prosaica e talvez mais significativa, pode ter sido a necessidade de paredes e colunas mais duráveis e mais firmes sustentarem as pesadas telhas — algumas com mais de 30 kg — necessárias para proteger as estátuas divinas das intempéries.

A ordem dórica, uma das mais utilizadas na arquitetura grega, surgiu em meados do século -VII; a ordem eólica, antecessora da jônica, no final desse século; e a ordem jônica, em meados do século -VI. A estrutura básica dos templos gregos, que floresceriam do século -VI até o fim do Período Greco-Romano, foi definido nas primeiras décadas do século -VII.

Fig. 0194. Templo e ágora de Dreros.

O mais antigo templo de pedra, ainda com planta relativamente simples, é o dedicado a Apolo Delfínio, em Dreros (Creta, c -750), mas não parece ter influenciado os arquitetos do continente grego, que desenvolveram novas estruturas de pedra de forma independente. A mais antiga ágora, espaço delimitado da pólis para encontros entre os cidadãos, foi encontrada em Dreros (Fig. 0194).

Estruturais seculares mais sofisticadas se desenvolveram a partir de -600, mais ou menos. Edificações de apoio aos peregrinos começaram a ser levantadas na área em volta dos templos, preenchendo o espaço dos antigos santuários; algumas delas, os “tesouros”, se assemelhavam a pequenos templos. Com o florescimento da tragédia grega no final do século -VI, teatros de pedra começaram a ser erguidos, pelo menos na Ática; a arquitetura de casas e de outras estruturas privadas continuou, por outro lado, tão simples quanto na Idade das Trevas.

Referências

Henri van Efenterre, Dreros. In: J. Wilson Myers, Eleanor Emlen Myers, Gerald Cadogan (ed.), The Aerial Atlas of Ancient Crete. Berkeley / Los Angeles, University of California Press, 1992, p. 86-90.

Créditos das ilustrações

i1345Templo de Hera → Ver comentários.
i0263Templo de Posídon em Ístmia → Ver comentários.
f0194Esboço de Wilson A. Ribeiro Jr., 2019. Fonte: Baseado em Efenterre (1996, p. 86) → / CC BY-NC-ND 4.0.

Em outras partes do Portal

Imprenta

Artigo nº 1162, publicado em 03/02/2019.
Licença: CC BY-NC-ND 4.0
Como citar esta página:
RIBEIRO JR., W.A. A arquitetura arcaica. Portal Graecia Antiqua, São Carlos. URL: greciantiga.org/arquivo.asp?num=1162. Consulta: 22/08/2019.
 
Portal Grécia Antiga ISBN 1679-5709 On-line desde 04/11/1997 f   t   i Sobre o Portal Ajuda FAQs Mapa do site Termos de uso 13/08/2019 ← novidades Contato Outras páginas do autor Créditos
 Wilson A. Ribeiro Jr., 1997-2019