Græcia Antiqua INTRODUÇÃOARTECIÊNCIASFILOSOFIAGEOGRAFIAHISTÓRIALÍNGUALITERATURAMITOLOGIAMÚSICARELIGIÃO

Os filósofos da natureza

 
Zeus brandindo o raio

Até o início do século -VI as pessoas encaravam os fenômenos à sua volta de forma não metódica, assistemática e ingênua. Todos os conhecimentos necessários ao dia-a-dia eram empíricos: as conclusões baseavam-se exclusivamente na aparência das coisas e praticamente todas as generalizações eram apressadas e imprecisas.

A explicação da grande maioria dos fenômenos era puramente mítica. Tudo girava em torno de poderes sobrenaturais e de divindades: as chuvas, tempestades e raios, por exemplo, eram atribuídas a Zeus; os terremotos, a Posídon; e a lua era, na realidade, a deusa Selene.

Os primeiros a tentar explicar o mundo sem recorrer às ações divinas foram os físicos (gr. φυσικοί), intelectuais gregos conhecidos atualmente por filósofos da natureza (do gr. φύσις, ‘natureza’). Os mais antigos, que viveram nas comunidades gregas da Grécia Asiática e da Magna Grécia nos séculos -VII e -VI, se dedicaram principalmente a explicar os fenômenos naturais em termos racionais, sem recorrer aos mitos e à religião.

Não podemos chamá-los ainda de cientistas pois não quantificavam suas observações e não testavam suas teorias através da experimentação, entre outras coisas. Eles eram essencialmente filósofos e sua investigação se dava somente em termos de especulação, análise e inferência teórica. Podemos, no entanto, chamá-los de “pré-cientistas”, pois eram já dotados de aguda inteligência, desmedida curiosidade, grande capacidade de observação e enorme imaginação...

Muitos dos filósofos que viveram antes de Sócrates (-469/-399) — por isso chamados de “pré-socráticos” — deram grandes contribuições aos diversos ramos da Ciência, e uma das características marcantes desses intelectuais era a grande diversidade de seus interesses. O filósofo Pitágoras de Samos (-570/-495), por exemplo, é tradicionalmente considerado um dos fundadores da Matemática.

Assim, não se deve estranhar que o nome de um dos filósofos da natureza apareça diversas vezes relacionado aos mais diferentes ramos do saber...

Créditos das ilustrações

i0140Zeus brandindo o raio → Ver comentários.

Em outras partes do Portal

Imprenta

Artigo nº 0189
publicado em 20/08/1999.
Licença: CC BY-NC-ND 4.0
Como citar esta página:
RIBEIRO JR., W.A. Os filósofos da natureza. Portal Graecia Antiqua, São Carlos. URL: greciantiga.org/arquivo.asp?num=0189. Consulta: 20/10/2018.
 
Portal Grécia Antiga ISBN 1679-5709 On-line desde 04/11/1997 f   t   i   i Sobre o Portal Ajuda FAQs Mapa do site Termos de uso 10/11/2017 ← novidades Contato Outras páginas do autor
 Wilson A. Ribeiro Jr., 1997-2018