Græcia Antiqua INTRODUÇÃOARTECIÊNCIASFILOSOFIAGEOGRAFIAHISTÓRIALÍNGUALITERATURAMITOLOGIAMÚSICARELIGIÃO

Ilíada / O senhor do raio

TRADUÇÃO

Pequena seleção de passagens que ilustram a relação direta entre Zeus, o pai dos deuses e dos homens, o raio e o trovão.

E então ele (Zeus), do alto do Ida, trovejou estrondosamente e flamejante clarão desfechou sobre as tropas dos Aqueus. Eles, ao vê-lo, se espantaram, e pálido temor a todos tomou. Il. 8.75-7
Teria sido, então, a ruína e o fim irremediável; estariam encurralados em Ílion, como carneiros, se depressa o pai dos deuses e dos homens não o percebesse. Depois de trovejar terrivelmente, lançou um raio brilhante que feriu o chão diante dos cavalos de Diomedes. Il. 8.130-4
E trovejou terrívelmente o pai dos deuses e dos homens, no alto; (...) Il. 20.56-7
Mas também ele (Oceano) teme, do grande Zeus, o raio e o terrível trovão, quando retumba desde o céu. Il. 21.198-9
TEXTO GREGO
a

Imprenta

Artigo nº 0188
publicado em 20/08/1999. Atualização: 18/07/2006.
Licença: CC BY-NC-ND 4.0
Como citar esta página:
RIBEIRO JR., W.A. Ilíada / O senhor do raio. Portal Graecia Antiqua, São Carlos. URL: greciantiga.org/arquivo.asp?num=0188. Consulta: 19/09/2017.
 
Portal Grécia Antiga ISBN 1679-5709 On-line desde 04/11/1997 f   t   i   i Sobre o Portal Ajuda FAQs Mapa do site Termos de uso 30/04/2017 ← novidades Contato Outras páginas do autor
 Wilson A. Ribeiro Jr., 1997-2017