Græcia Antiqua INTRODUÇÃOARTECIÊNCIASFILOSOFIAGEOGRAFIAHISTÓRIALÍNGUALITERATURAMITOLOGIAMÚSICARELIGIÃO

Baquílides 6

TRADUÇÃO

Este curto mas completo epinício é o mais recente dentre os que chegaram até nós (Morais, 2009, leves modificações):

Foi escrito para celebrar a vitória de Lácon, filho de Aristómenes, na corrida de rapazes da 82.ª Olimpíada, que teve lugar na Primavera-Verão de -452, 'junto à embocadura do Alfeu' (v. 3), como se pode comprovar por um fragmento com uma lista dos vencedores em Olímpia, entre -480 e -448.

A tradução foi publicada em 2009 por Carlos Morais, da Universidade do Aveiro, Portugal (op. cit.). A lista de vencedores por ele mencionada está em I.G. XII 5.608.

A Lácon, vencedor na corrida de rapazes em Olímpia
Lácon, do Zeus supremo, alcançou a suma glória, com os seus pés, junto à embocadura do Alfeu, feito igual a outros pelos quais, outrora, 5 Ceos[1], criadora de vinhas, foi cantada em Olímpia, como vencedora no pugilato e na corrida, por jovens exuberantes
de cabelos com grinaldas. 10 E a ti, agora, um hino de Urânia, soberana do canto, por vontade de Vitória — ó filho de Aristómenes, de pés velozes como o vento —, te honra com cantos, entoados diante de tua casa, 15 porque, com o teu triunfo na corrida, a Ceos deste fama.
TEXTO GREGO
a

Notas

  1. Ceos (gr. Κέως) é uma das ilhas do arquipélago das Cíclades, no Mar Egeu.

Referências

Carlos Morais, Glória aos vencedores, glória a Ceos (Baquílides, Odes 6-8), Ágora. Estudos Clássicos em Debate, v. 11, p. 13-32, 2009. [disponível on line]

Imprenta

Artigo nº 0924
publicado em 06/02/2014.
Licença: CC BY-NC-ND 4.0
Como citar esta página:
RIBEIRO JR., W.A. Baquílides 6. Portal Graecia Antiqua, São Carlos. URL: greciantiga.org/arquivo.asp?num=0924. Consulta: 26/09/2017.
 
Portal Grécia Antiga ISBN 1679-5709 On-line desde 04/11/1997 f   t   i   i Sobre o Portal Ajuda FAQs Mapa do site Termos de uso 30/04/2017 ← novidades Contato Outras páginas do autor
 Wilson A. Ribeiro Jr., 1997-2017