logo

Baquílides / fragmento 4.61-8

Seção: literatura grega
B. Fr. 4.61-8-520 / -450
grtexto grego

A passagem pertence ao fragmento de um peã, hino em homenagem a Apolo.

Para Apolo Pitaeu[1] em Asine
(...) e a altiva Irene deu à luz,
para os mortais, riqueza
e flores das canções de palavras doces;
sobre altares artisticamente trabalhados,
para os deuses, o queimar na amarela chama de coxas
de bois e de ovelhas de longos pelos;
e, para os jovens, exercícios corporais
e cuidar de tocar o aulo e cantar nos festivais.