João Crisóstomo

Seção: literatura grega
Ἰωάννης ὁ Χρυσόστομος Joannes Chrysostomus Scriptor Ecclesiasticus Jo. Chr.
página esquemática / provisória

O nome tradicional de João Crisóstomo (gr. Ἰωάννης ὁ Χρυσόστομος, lit. ‘João Boca de Ouro’, reflete indubitavelmente sua célebre eloquência. Nasceu em 349 e faleceu em 407, foi arcebispo de Constantinopla de 397 a 405; canonizado no século V como São João Crisóstomo.

iJoão Crisóstomo

Seus discursos, embora proferidos na igreja, eram abertos ao público e muito populares. Seus temas favoritos eram exegeses de passagens bíblicas aplicáveis à vida diária, além de ensinamentos morais práticos. Seus temas favoritos eram a condenação da riqueza e dos abusos da ostentação. Fez, naturalmente, muitos inimigos, entre eles a imperatriz Eudóxia, esposa do Imperador bizantino Arcádio (c. 377/408), e acabou exilado durante os últimos anos de vida.

Sua influência doutrinária está presente no catecismo da Igreja Católica, notadamente na prática da oração, e na liturgia utilizada até hoje pela Igreja Cristã Ortodoxa.

Numerosas homílias e alguns tratados de teologia chegaram até nós.