Pitagóricos / Aspectos da doutrina

Seção: filosofia grega
Pythag.-570 / -495
gr
texto grego

As passagens selecionadas apresentam tradicionais ἀκούσματα da confraria pitagórica e algumas informações sobre as doutrinas ditas pitagóricas.

‘Coisas ouvidas’

Não passe por cima de uma balança, i.e., não seja ambicioso; não atice o fogo com uma espada, i.e., não humilhe com palavras duras um homem a rebentar de cólera; não desfolhe a coroa, i.e., não viole as leis; não devore o coração, i.e., não se atormente com o sofrimento; não sente numa ração de trigo, i.e., não viva na ociosidade; quando viajar, não volte atrás, i.e., quando estiver para morrer, não se apegue à vida.

Arist. F 197, Porph. VP 42
Outros aspectos da doutrina pitagórica

O que ele dizia aos seus companheiros, ninguém o pode referir com segurança; é que entre eles reinava um invulgar silêncio. Mesmo assim, tornou-se universalmente conhecido o seguinte: em primeiro lugar, que ele afirma que a alma é imortal; depois, que ela se muda para outras espécies de seres animados; além disso, que os acontecimentos ocorrem em determinados ciclos, e que nunca nada é absolutamente novo; e por fim, que todos os seres vivos devem ser considerados como aparentados. Segundo parece, Pitágoras foi o primeiro a introduzir essas crenças na Hélade.

Porph. VP 19

E eles (dizem) que o ilimitado é o par. É que este, dizem eles, quando está envolvido e limitado pelo ímpar, fornece o elemento ilimitado das coisas existentes.

Arist. Ph. 203a.10

Uma outra opinião nos foi transmitida acerca da alma... Dizem eles que a alma é uma espécie de harmonia; já que esta é uma mescla e composição de contrários, e o corpo é constituído de contrários.

Arist. de An. 407b.27