logo

Filmes inspirados na Grécia Antiga

Área: novidades220 palavras

Mais de 400 cineastas recorreram, do final do século XIX até nossos dias, à história, à mitologia ou à literatura da Grécia Antiga na criação de suas obras[1].

Fig. 0099. Midas é entretido por . Cena de La légende de Midas, 1910, filme mudo de Louis Feuillade (1873/1925).

Roteiros com versões romanas (e mais conhecidas) de histórias e temas da Grécia Antiga são particularmente frequentes. Raríssimos filmes são minimamente fiéis aos mitos e aos antigos textos gregos nos quais se inspiraram.

Grande parte dos filmes foi produzida em dois momentos específicos. No primeiro, entre 1900 e 1920, auge do cinema mudo, as versões eram excessivamente truncadas e simplificadas.

No segundo, entre 1958 e 1970, auge das produções italianas de baixo orçamento, os filmes eram tenuamente inspirados na mitologia greco-romana e davam grande destaque aos atores fisiculturistas e a lutas de espadas coreografadas de modo bastante precário.

Esse estilo, intitulado peplum / swords and sandals, foi iniciado pelo cinema italiano em 1958 com o filme Le fatiche di Ercole, de Pietro Francisci.

No final do século XXI entramos na era de roteiros infiéis, mas relativamente criativos, e de superproduções de estética duvidosa.

Pequena seleção, com ficha técnica e comentários:

século XX

século XXI

A lista inclui algumas minisséries para TV que chegaram ao cinema porque se inspiraram, de forma razoável, nas fontes gregas.