1124
1124X

Uma tradução latina da Odisseia

1561

Primeira página da Odisseia, em latim e em grego (Châteillon, 1561, p. 295)

AcervoMunique, Biblioteca do Estado da BavieraFonte / ©Google BooksLicençaDRM-FreeIluminura1124

Comentários

No alto da página, em latim (coluna da esquerda) e em grego (coluna da direita), lê-se ‘hipótese do Livro I do poema Odisseia, de Homero’. O autor, Sébastien Châteillon (1515/1563), teólogo protestante, filósofo e humanista francês, amigo de Jean Calvin[1], apenas corrigiu a versão latina de Homero publicada em 1560 por Jean Crespin, em Genebra. Não se sabe com precisão a origem do texto grego utilizado.

Châteillon é conhecido notadamente pelas obras teológicas e filosóficas. Essa publicação de alguns dos mais acabados exemplos do paganismo greco-romano é raríssimo exemplo de respeito ao valor cultural de uma obra literária que nada tem a ver com — e até contraria — as crenças pessoais do autor.