620
0620X

Jovens alados e duas serpentes enlaçadas

-625/-600

Capacetes de bronze decorados e inscritos. Afrati, Creta (antiga Arkades)

 
0620
Jovens alados e duas serpentes enlaçadas / imagem principal
 
0620a
Cavalo e leões
AcervoNew York, Museu Metropolitano de ArteInventário1989.281.50Fonte / ©The Metropolitan Museum of ArtLicençaDomínio públicoIluminura0620

Comentários

Os dois capacetes, finamente trabalhados, vêm da região centro-meridional de Creta e parecem ter sido parte de butim dedicado em um santuário.

No da direita, em repoussé, foram gravados dois jovens alados agarrando duas serpentes enlaçadas; há uma inscrição, Neopolis. No da esquerda, vê-se um cavalo gravado com a mesma técnica; a inscrição informa que Sinenitos, filho de Euclotas, tomou esse objeto. [Metropolitan]

O motivo das serpentes enlaçadas é de origem mesopotâmica e durante o final do Bronze Arcaico esteve associado a uma divindade solar ligada ao prolongamento da vida. Em taça mesopotâmica de esteatita entalhada e dedicada por Gudeia[1] ao deus sumeriano da cura, Ningishzida, há uma imagem desse tipo (Fig. 0620a).

Acredita-se que as duas serpentes enlaçadas, muito semelhantes às do caduceu de Hermes, representam o próprio deus Ningishzida (Frotingham, 1916, p. 181).

Legenda original. Two helmets, late 7th century B.C.; Archaic Greek, Cretan Bronze; H. of helmet with horses and lions 9 5/8 in. (24.5 cm); H. of helmet with winged youths 8 1/4 in. (21 cm); Gift of Norbert Schimmel Trust, 1989 (1989.281.49-.50).