Græcia Antiqua
i1240
Mantó, filha de Tirésias
c. 1474
Iluminura gravada por xilogravura e colorida à mão (Boccaccio, 1474, folio [e]10 recto). Boccaccio Meister.
acervo
Philadelphia, Penn Libraries
imagem
fonte
licença

A obra De mulieribus claris, de Giovanni Boccaccio (1374), contém as “biografias” de 106 mulheres célebres da história e da mitologia greco-romana, estas baseadas notadamente em fontes romanas. O texto, traduzido para o alemão pelo médico Heinrich Steinhöwel (1412/1482?) e publicada em 1474, contém numerosas iluminuras.

A biografia nº 30 é a de Mantó, filha de Tirésias, representada na ilustração acima em trajes típicos do final da Idade Média, diante de uma fogueira e ao lado de animais e de uma figura demoníaca, pelo menos segundo a ótica medieval. Nos mitos gregos, Mantó era uma simples adivinha, como o pai, mas sob a influência do fundalismo cultural da Igreja Católica passou a ser considerada uma feiticeira. No Canto 20 do Inferno, célebre poema de Dante Alighieri datado do início do século XIV, por exemplo, ela é assim retratada.

referências
Giovanni Boccaccio, Hie nach volget der kurcz sin von etlichen frowen / von denen johannes boccacius in latin beschriben hat, vnd doctor hainricus stainhöwel getütschet. Ulm: Johannes Zainer, c. 1474.
a iluminura no portal

Imprenta

Ilustração nº 1240
publicada em 02/11/2017.
Licença dos comentários: CC BY-NC-ND 4.0
Como citar esta página:
RIBEIRO JR., W.A. Mantó, filha de Tirésias. Portal Graecia Antiqua, São Carlos. URL: greciantiga.org/img.asp?num=1240. Consulta: 17/11/2017.
 
Portal Grécia Antiga ISBN 1679-5709 On-line desde 04/11/1997 f   t   i   i Sobre o Portal Ajuda FAQs Mapa do site Termos de uso 10/11/2017 ← novidades Contato Outras páginas do autor
 Wilson A. Ribeiro Jr., 1997-2017