logo
986c
0986cX

Reconstrução do mecanismo de Anticitera

08/12/2008

Reconstrução conjetural com peças modernas
Reconstrução (AMRP)

 
0986
Reconstrução do mecanismo de Anticitera / imagem principal
 
0986b
Esquema do sistema de rodas denteadas
 
0986c
Reconstrução (AMRP)
 
0986d
Reconstrução (Solla Price)
 
0986e
Reconstrução não informada
AcervoNew York, Children's Museum of ManhattanImagemspike55151, 09/06/2007FonteFlickRLicençaCC BY-NC-SA 2.0Iluminura0986c
Comentários

O atual modelo do antigo mecanismo de Anticitera, construído no final de 2008, baseia-se nos estudos de Michael Wright, do Imperial College de Londres, e nos de M. Edmunds e T. Freeth (Cardiff University), X. Moussas e Y. Bitsakis (National and Kapodistrian University of Athens) e J.H. Seiradakis (Aristotle University of Thessaloniki), do Antikythera Mechanism Research Project (AMRP).

Na Ilum. 0986c, vê-se o modelo desses últimos pesquisadores. Há outras reconstruções (Ilum. i0986e e iluminuras relacionadas).

Fig. 0080. Esboço do interior do mecanismo.

A primeira reconstrução funcional do mecanismo foi efetuada entre 1971 e 1974 por Derek de Solla Price, da Universidade de Yale, com base no estudo dos fragmentos e em radiografias do mecanismo, efetuadas por Charalampos Karakalos, do Centro Nacional da Pesquisa Científica Demokritos (iluminuras relacionadas).

Solla Price foi o primeiro a sugerir que as rodas denteadas, ajustadas, funcionassem como o mecanismo dos antigos relógios (Fig. 0080 e Ilum. i0986b), girando em diferentes velocidades.

A reconstrução de Solla Price, com uma caixa de proteção, um disco frontal e dois discos posteriores (Ilum. i0986d), embora obsoleta e com algumas incorreções, é a base das reconstruções mais modernas, efetuadas por Michael Wright e pelo Antikythera Mechanism Research Project. Ela foi doada ao Museu Arqueológico Nacional, de Atenas, em 1980.