Græcia Antiqua

Jovem tocando flauta para sátiro

543
exp
Lápis e pincel sobre tinta a óleo de Giovanni Benedetto Castiglione (1609/1664).
1609/1664

O artista retratou o idealizado e bucólico mundo dos pastores gregos através da imagem de um jovem tocando flauta em meio a luxuriante vegetação. Diante dele, um sátiro cansado segura languidamente sua própria flauta e ouve atentamente, o que evoca as amigáveis disputas musicais retratadas nos famosos idílios de Teócrito.

Segundo o comentarista do Metropolitan, o sátiro pode estar representando ou Mársias, e o jovem, Apolo, Olimpo ou Dáfnis. A obra seria uma alusão ao contraste entre o espírito apaixonado do dionisíaco ( está ligado a Dioniso) e a clareza da razão do apolíneo. Segundo os humanistas da Renascença e do Barroco, são esses os dois impulsos opostos que constituem a criatividade artística. Essa antinomia entre o apolíneo e o dionisíaco seria posteriormente estendida a diversas outras áreas do saber pelo filósofo alemão Friedrich Nietzsche (1844/1900).

Etapa cultural: Barroco.

Legenda original
Giovanni Benedetto Castiglione ("Il Grechetto", b. Genoa 1609 - d. Mantua 1664), Italian. Brush with colored oil paint; paper partly saturated with oil; lined; 16 x 21-1/16 in. (40.6 x 53.5 cm). Gustavus A. Pfeiffer Fund, 1962 (62.126).

a iluminura no portal
imprenta
Ilustração nº 0543, publicada em 04/11/2001.Licença dos comentários: CC BY-NC-ND 4.0
Como citar esta página:
RIBEIRO JR., W.A. Jovem tocando flauta para sátiro. Portal Graecia Antiqua, São Carlos. URL: greciantiga.org/img.asp?num=0543. Consulta: 20/03/2019.
 
Portal Grécia Antiga ISBN 1679-5709 On-line desde 04/11/1997 f   t   i Sobre o Portal Ajuda FAQs Mapa do site Termos de uso 10/03/2019 ← novidades Contato Outras páginas do autor Créditos
 Wilson A. Ribeiro Jr., 1997-2019