Græcia Antiqua
0489 
O palácio de Kato Zakros
-1700 / -1450
Vista do sudeste. Kato Zakros, Creta.
 
0489a
Oficinas da ala sudoeste.
 
0489b
Escadaria da área oeste.
 
0489c
Ranhuras para fundir bronze (vila).
 
0489d
Sala das tabuinhas.
 
0489e
Uma das piscinas.
 
0489f
Pátio e sala de cerimônias.
 
0489g
Banco de pedra.
 
0489h
Bacia lustral no canto nordeste.
grupo
fonte
licença ilum. 0489
COMENTÁRIOS

O palácio, escavado em 1961 pelo arqueólogo grego Nikolaos Platon, fica 45 quilômetros a leste de Sítia, junto ao litoral, e cobre uma área de 4.250 m2. Embora construído por volta de -1900, as ruínas atuais datam da última reconstrução, iniciada por volta de -1700 após um terremoto. As novas edificações, erguidas praticamente sobre a mesma planta da antiga, foram destruídas definitivamente pelo fogo em -1450.

Como os demais palácios minoicos, há um pátio central (detalhe na Fig. 0489f) ao lado de uma sala de cerimônias, e alas com várias salas de formato quadrado ou retangular, entremeadas de corredores labirínticos. A entrada principal é voltada para o leste e se liga diretamente ao porto. A ala oeste contém o templo, a bacia lustral, o salão de cerimônias, a sala de banquetes, a sala de arquivos e o tesouro; a ala sul, o setor de artesanato; a ala leste, os apartamentos reais, o poço, a piscina e a fonte; a ala norte, principalmente, salas de armazenagem e cozinhas. O palácio era cercado, no lado norte, por uma espécie de vila com residências de funcionários (não é, propriamente, uma cidade), de certa forma parte do complexo palacial.

As Ilum. 0489a-h mostram vários detalhes do palácio e da vila. Compare com o plano do palácio na época da destruição (Fig. 0058) para se localizar:

Fig. 0058. Plano. Dois tanques de água estão representados em cinza; as demais dependências estão identificadas por letras. D - Despensa, C - Cozinha (embaixo) e sala de jantar (em cima), X - Casa de banho, E - Entradas, G - Altar, M - Aposentos reais, B - Sala das tabuinhas, T - Templo, S - Salões nes, A - Oficina dos artífices.

É difícil o acesso ao palácio por terra e, sem dúvida, sua importância se devia à posição estratégica do porto, voltado diretamente para Chipre, Sírio-Palestina e Egito.

A área específica do palácio, destruído pelo fogo em -1450, é de aproximadamente 4.250 m2. Há mais informações de natureza arqueológica em links externos.

Etapa cultural: Minoico Médio e Recente.

créditos adicionais
0489aMichel-Georges Bernard, 11/04/2012. Fonte: Wikimedia Commons/ CC BY-SA 3.0.
0489cPaul, 19/10/2006. Fonte: FlickR/ CC BY-SA 2.0.
0489dElisa Triolo, 11/06/2010. Fonte: FlickR/ CC BY-SA 2.0.
0489eElisa Triolo, 11/06/2010. Fonte: FlickR/ CC BY-SA 2.0.
0489fPeter Smithson, 06/09/2009. Fonte: FlickR/ CC BY-NC 2.0.
links externos

Imprenta

Ilustração nº 0489, publicada em 30/06/2001. Última atualização: 21/09/2015.Licença dos comentários: CC BY-NC-ND 4.0 Como citar esta página:
RIBEIRO JR., W.A. O palácio de Kato Zakros. Portal Graecia Antiqua, São Carlos. URL: greciantiga.org/img.asp?num=0489. Consulta: 17/02/2019.
 
Portal Grécia Antiga ISBN 1679-5709 On-line desde 04/11/1997 f   t   i Sobre o Portal Ajuda FAQs Mapa do site Termos de uso 11/02/2019 ← novidades Contato Outras páginas do autor Créditos
 Wilson A. Ribeiro Jr., 1997-2019