logo
469
0469X

O nascimento de Atena

-570/-560

Cena de exaleiptron ático de figuras negras atribuído ao Pintor C. Tebas, Beócia

AcervoParis, Museu do LouvreImagemRMN-Grand Palais / Stéphane MaréchalleFonteImages D'ArtLicençaTerms of use - Images d'ArtIluminura0469
Comentários

Segundo a lenda, a deusa Atena emergiu completamente armada da cabeça de Zeus, que havia engolido Métis, a mãe, para evitar que ela desse à luz um filho mais poderoso do que o pai. Em algumas versões, o deus Hefesto fez o parto golpeando a cabeça de Zeus, acometido de violenta dor de cabeça, com o machado.

Nesta cena, a deusa acabou de sair da cabeça de Zeus, com capacete e escudo. De cada lado de Zeus, as Ilítias, deusas do nascimento (posteriormente essas deusas foram reduzidas a uma só: Ilítia, filha de Zeus e Hera). À direita das Ilítias está Posídon e, à esquerda, Hefesto; as duas deusas nas extremidades difíceis de identificar — pela proximidade com os deuses representados, talvez a da esquerda seja Afrodite e a da direita, Anfitrite.

O exaleiptron era uma espécie de caixa onde as mulheres guardavam unguentos perfumados. Este exemplar aparentemente contém uma das primeiras representações, na Ática, do mítico nascimento da deusa Atena. Nessa época os artistas atenienses começaram a abandonar a influência de Corinto e a se concentrar na representação da figura humana e dos mitos.