Græcia Antiqua

Medeia e as filhas de Pélias

430
exp
Relevo. Cópia romana de mármore pentélico.
Sæc. II
 
0430
Imagem principal.
 
0430a
Cópia ática de mármore em baixo relevo. Sæc. -I, Terracina.

Medeia, à direita, segura uma caixa e observa enquanto as filhas de Pélias preparam o caldeirão para o feitiço. Esta cena relaciona-se com um dos episódios de sua lenda, no qual Medeia convenceu as filhas do rei de Iolcos de que era capaz de rejuvenescer o pai.

A partir do Período Clássico, Medeia se tornou o protótipo da feiticeira. Aqui, ela usa uma tiara oriental e uma espécie de sobretudo de origem persa, evidenciando sua origem bárbara. Note-se também a presença do caldeirão, que se tornou posteriormente um dos atributos mais emblemáticos da feitiçaria.

Há outras cópias mais antigas, como a da Fig. 0430a, menos bem conservadas. Observar que na mão da pelíade da extrema direita se vê uma espada, enquanto na figura acima a jovem segura um ramo.

A obra grega original, que decorava talvez o Altar dos Doze Deuses de Atenas, data provavelmente de -420/-410.

imprenta
Ilustração nº 0430, publicada em 07/01/2001. Última atualização: 21/05/2015.Licença dos comentários: CC BY-NC-ND 4.0
Como citar esta página:
RIBEIRO JR., W.A. Medeia e as filhas de Pélias. Portal Graecia Antiqua, São Carlos. URL: greciantiga.org/img.asp?num=0430. Consulta: 25/05/2019.
 
Portal Grécia Antiga ISBN 1679-5709 On-line desde 04/11/1997 f   t   i Sobre o Portal Ajuda FAQs Mapa do site Termos de uso 22/03/2019 ← novidades Contato Outras páginas do autor Créditos
 Wilson A. Ribeiro Jr., 1997-2019