Græcia Antiqua

Morte de Agamêmnon

X
046
exp
Cena A
Cálice-cratera ática de figuras vermelhas do Pintor da Dokimasia.
C. -460
 
0046
Cena A.
 
0046a
Cena B. Morte de Egisto.

O vaso foi pintado na mesma época da tragédia Agamêmnon, de Ésquilo, apresentada pela primeira vez em -458.

Na cena A (supra), Egisto acabou de estocar Agamêmnon, preso a uma veste que lembra uma rede, com a espada; as mulheres presentes erguem os braços, assustadas. Talvez a figura feminina logo atrás de Egisto, com penteado diferente das demais, seja Electra, a dedicada filha de Agamêmnon. Uma das outras duas pode ser Cassandra, a princesa troiana escravizada por ele.

A cena B (Ilum. 0046a) mostra, por sua vez, a morte de Egisto. Sentado no trono que foi de Agamêmnon, ele é morto por Orestes com um golpe de espada semelhante ao que matou Agamêmnon na cena A. Clitemnestra, logo atrás do filho, ergue ameaçadoramente um machado duplo, mas não consegue impedir o golpe.

O Pintor da Dokimasia decorou vasos de figuras vermelhas em Atenas entre -485 e -465, aproximadamente. O apelido se deve a uma cena de inspeção (gr. δοκιμασία) de cavalos em um vaso conservado em Berlim.

Legenda original Mixing bowl (calyx krater) with the killing of Agamemnon. Greek. Early Classical Period, about 460 B.C., the Dokimasia Painter. Place of Manufacture: Greece, Attica, Athens. Catalogue Raisonné: Classical Art (MFA), p. 066. Height: 51 cm (20 1/16 in.); diameter: 51 cm (20 1/16 in.). Accession Number 63.1246. Medium or Technique: Ceramic, Red Figure. Greek Classical Gallery (Gallery 215C). Credit Line: William Francis Warden Fund.

iluminuras relacionadas
imprenta
Ilustração nº 0046, publicada em 31/05/2000. Última atualização: 02/03/2019.Licença dos comentários: CC BY-NC-ND 4.0
Como citar esta página:
RIBEIRO JR., W.A. Morte de Agamêmnon. Portal Graecia Antiqua, São Carlos. URL: greciantiga.org/img.asp?num=0046. Consulta: 15/07/2019.
 
Portal Grécia Antiga ISBN 1679-5709 On-line desde 04/11/1997 f   t   i Sobre o Portal Ajuda FAQs Mapa do site Termos de uso 10/07/2019 ← novidades Contato Outras páginas do autor Créditos
 Wilson A. Ribeiro Jr., 1997-2019