Græcia Antiqua INTRODUÇÃOARTECIÊNCIASFILOSOFIAGEOGRAFIAHISTÓRIALÍNGUALITERATURAMITOLOGIAMÚSICARELIGIÃO

Esopo / Fábula 257

TRADUÇÃO

Nesta que é a mais curta das fábulas de Esopo (257 Perry = 194 Chambry), a resposta da leoa exemplifica a enorme capacidade de síntese da língua grega.

O texto foi a minha primeira tradução direta do grego sem ajuda do professor — a paciente Maria Celeste —, no longínquo ano de 1993. Lembro-me de ter demorado a aula inteira para dar conta do dicionário, da gramática e das duas frases... Heroicos e bons tempos.

257. A leoa e a raposa

A leoa, reprovada pela raposa por ter um só filhote, ao invés de muitos, respondeu: Sim, mas um leão.

A fábula mostra que a excelência não está na quantidade, mas na qualidade.

TEXTO GREGO
a

Outras iluminuras

 
Cabeça de leoa de ouro.

Créditos das ilustrações

i0533Cabeça de leoa de ouro → Ver comentários.

Imprenta

Artigo nº 1100
publicado em 19/11/1997.
Licença: CC BY-NC-ND 4.0
Como citar esta página:
RIBEIRO JR., W.A. Esopo / Fábula 257. Portal Graecia Antiqua, São Carlos. URL: greciantiga.org/arquivo.asp?num=1100. Consulta: 23/04/2017.
 
Portal Grécia Antiga ISBN 1679-5709 On-line desde 04/11/1997 f   t   i   i Sobre o Portal Ajuda FAQs Mapa do site Termos de uso 25/03/2017 ← novidades Contato Outras páginas do autor
 Wilson A. Ribeiro Jr., 1997-2017