Græcia Antiqua INTRODUÇÃOARTECIÊNCIASFILOSOFIAGEOGRAFIAHISTÓRIALÍNGUALITERATURAMITOLOGIAMÚSICARELIGIÃO

Policleto, o Velho

 
Doríforo

O escultor Policleto (gr. Πολύκλειτος), floresceu entre -450 e -420 e era nativo de Argos; consideram-no o mais importante escultor da Antiguidade. Seu filho Policleto, o Jovem, tornou-se um conceituado arquiteto.

Trabalhou especialmente no Peloponeso e se especializou, aparentemente, em estátuas de bronze representando atletas nus, algumas das quais sobrevivem em cópias romanas de mármore. Consta, no entanto, que a estátua colossal de Hera que esculpiu para o heraion de Argos era comparável à estátua de Zeus que Fídias criou para o templo do deus em Olímpia.

Em sua obra mais famosa, o doríforo (gr. δορυφόρος, ‘portador de lança’, c. -440), concretizou suas teorias e regras sobre as proporções ideais do corpo humano masculino, descritas em seu livro, Canon (gr. Κανών), palavra que significa padrão, método, guia. Desse importante texto restam, apenas, dois ou três fragmentos.

A beleza da forma humana consistia, para ele, na rigorosa proporção entre as diversas partes do corpo (simetria).

Outras iluminuras

 
O diadoumenos.

Créditos das ilustrações

i0790Doríforo → Ver comentários.
i0781O diadoumenos → Ver comentários.

Links externos

Imprenta

Artigo nº 0779
publicado em 18/09/2004. Atualização: 17/02/2008.
Licença: CC BY-NC-ND 4.0
Como citar esta página:
RIBEIRO JR., W.A. Policleto, o Velho. Portal Graecia Antiqua, São Carlos. URL: greciantiga.org/arquivo.asp?num=0779. Consulta: 23/07/2017.
 
Portal Grécia Antiga ISBN 1679-5709 On-line desde 04/11/1997 f   t   i   i Sobre o Portal Ajuda FAQs Mapa do site Termos de uso 30/04/2017 ← novidades Contato Outras páginas do autor
 Wilson A. Ribeiro Jr., 1997-2017