Græcia Antiqua INTRODUÇÃOARTECIÊNCIASFILOSOFIAGEOGRAFIAHISTÓRIALÍNGUALITERATURAMITOLOGIAMÚSICARELIGIÃO

Eurípides / Ifigênia em Táuris 1017-50

... ainda falta muito!...
MINUTA / ESBOÇO...
r
TRADUÇÃO

O trecho selecionado faz parte do Episódio 3 e vem logo depois da grandiosa cena de reconhecimento. Ifigênia e seu irmão Orestes conversam a respeito da fuga de Táuris, avaliando as possibilidades e planejando o engano do rei bárbaro que irá possibilitar sua salvação.

Após uma pequena sequência de três versos, enunciados por Ifigênia, começa a esticomitia[1], que assinala um incremento no ritmo da ação dramática.

O Coro presencia o diálogo, sem intervir.

Diálogo esticomítico entre Ifigênia e Orestes
IFIGÊNIA
 1017
 1018
 1019
ORESTES
1020
 1020
If.1021
Or.1022
If.1023
Or.1024
1025
If.1025
TEXTO GREGO
a

Notas

  1. Esticomitia (gr. στιχομυθία) é um recurso estilístico muito usado pelos poetas trágicos, usualmente em diálogos: dois personagens declamam, alternadamente, um verso cada um.

Imprenta

Artigo nº 0759
Esboço preparado em 18/12/2004.
Licença: CC BY-NC-ND 4.0
Como citar esta página:
RIBEIRO JR., W.A. Eurípides / Ifigênia em Táuris 1017-50. Portal Graecia Antiqua, São Carlos. URL: greciantiga.org/arquivo.asp?num=0759. Consulta: 28/03/2017.
 
Portal Grécia Antiga ISBN 1679-5709 On-line desde 04/11/1997 f   t   i   i Sobre o Portal Ajuda FAQs Mapa do site Termos de uso 25/03/2017 ← novidades Contato Outras páginas do autor
 Wilson A. Ribeiro Jr., 1997-2017