Græcia Antiqua INTRODUÇÃOARTECIÊNCIASFILOSOFIAGEOGRAFIAHISTÓRIALÍNGUALITERATURAMITOLOGIAMÚSICARELIGIÃO

O jovem Télefo

 
Héracles e Télefo

Héracles passou rapidamente pela Arcádia cerca de uma geração antes da Guerra de Troia, a caminho da Élida. O herói ia combater o rei Augias mas, apesar da pressa, demorou-se o bastante para engravidar Auge, filha de Aleu, rei de Tegeia.

Numa das versões mais conhecidas da lenda, Aleu expulsou a filha e o neto e entregou-os a Náuplio, futuro pai de Palamedes, para serem afogados. Condoído, Náuplio entregou a moça e o menino a mercadores de escravos, que venderam os dois a Teutras, rei da Mísia, região ao norte da Ásia Menor.

Na versão dos poetas trágicos, Auge foi entregue a Náuplio, após dar à luz. A criança, exposta em uma montanha da Arcádia, foi alimentada por uma corça e salva por pastores do rei Córito, que lhe deu o nome de Télefo (gr. Τήλεφος) e o criou. Já moço, Télefo matou acidentalmente os aléadas, seus tios, e teve que abandonar a Arcádia.

Orientado pelo Oráculo de Delfos, dirigiu-se à Mísia e chegou bem a tempo de ajudar o rei Teutras em uma guerra. Para recompensá-lo, o rei lhe deu a mão de Auge, que considerava sua filha adotiva. Mãe e filho, porém, reconheceram-se a tempo, graças à ajuda da deusa Atena.

Télefo herdou o trono de Teutras e, na época em que os gregos se reuniam para atacar a Ásia Menor, ele era aliado dos troianos e rei da Mísia. A segunda parte de sua lenda, relacionada com as duas expedições gregas contra a cidadela de Troia, será contada na próxima sinopse.

Variante

Em outra versão da lenda de Auge e Télefo, o enfurecido rei Aleu encerrou a filha e o neto em uma caixa e lançou-a no mar — igualzinho à lenda de Acrísio, Dânae e Perseu... Os passageiros conseguiram atravessar todo o mar Egeu e acabaram atingindo a Mísia, onde foram acolhidos pelo rei Teutras.

Outras iluminuras

 
Télefo e Auge.
 
Héracles, Arcádia e Télefo.

Créditos das ilustrações

i0664Héracles e Télefo → Ver comentários.
i0663Télefo e Auge → Ver comentários.
i1015Héracles, Arcádia e Télefo → Ver comentários.

Em outras partes do Portal

Links externos

Imprenta

Artigo nº 0702
publicado em 27/11/2002. Atualização: 07/05/2013.
Licença: CC BY-NC-ND 4.0
Como citar esta página:
RIBEIRO JR., W.A. O jovem Télefo. Portal Graecia Antiqua, São Carlos. URL: greciantiga.org/arquivo.asp?num=0702. Consulta: 20/10/2017.
 
Portal Grécia Antiga ISBN 1679-5709 On-line desde 04/11/1997 f   t   i   i Sobre o Portal Ajuda FAQs Mapa do site Termos de uso 30/04/2017 ← novidades Contato Outras páginas do autor
 Wilson A. Ribeiro Jr., 1997-2017