Græcia Antiqua INTRODUÇÃOARTECIÊNCIASFILOSOFIAGEOGRAFIAHISTÓRIALÍNGUALITERATURAMITOLOGIAMÚSICARELIGIÃO

Dinarco

... ainda falta muito!...
MINUTA / ESBOÇO...
r
 
Moeda com Pégaso e Atena

O orador Dinarco (gr. Δείναρχος), meteco[1] nascido em Corinto por volta de -360, mudou-se para Atenas a fim de estudar com o filósofo Teofrasto (-371/-287).

Seu trabalho junto aos acusadores do caso Hárpalo (-324) tornou-o famoso e propiciou-lhe, de -322 em diante, brilhante carreira de logógrafo[2]. Em -307, já rico, retirou-se para Cálcis, mas retornou a Atenas em -292 e faleceu pouco depois, em -290.

Obras

Três de suas orações sobreviveram, todas elas relacionadas com o caso Hárpalo: Contra Demóstenes, Contra Aristogiton, Contra Filocles. Críticos antigos e modernos consideram-no medíocre, “uma imitação pobre de Demóstenes” (Gagarin, 2003) e exemplo acabado da decadência da oratória ática.

Manuscritos, edições, traduções

[ texto inacabado... ]

Notas

  1. Meteco (gr. μέτοικος) é a denominação dada a estrangeiros que podiam viver em outra pólis, desde que um cidadão se tornasse seu fiador. O estatuto legal dos metecos era inferior ao dos cidadãos, embora fossem sujeitos ao pagamento de uma taxa especial (o metoikion) e a outras obrigações cívicas, como por exemplo a liturgia (patrocínio de atividades públicas não custeadas pelo Estado). Em Atenas, os metecos participavam ativamente do comércio, podiam servir no exército ou na marinha, mas não podiam falar na Assembleia, nem se casar com cidadãos, nem adquirir propriedades sem permissão especial.
    Graham Speake (ed.), Penguin Dictionary of Ancient History (London, Penguin, 1995), s.v. ‘Metics’.
  2. Logógrafos (gr. λογογράφοι) eram escritores profissionais de discursos a serem apresentados diante da Assembleia, durante o Período Clássico; além do texto em si, muitas vezes forneciam também aconselhamento legal a seus clientes. Esses remotos ancestrais dos advogados nada têm a ver com os antigos cronistas e memorialistas que precederam os historiadores Heródoto e Tucídides e que são igualmente chamados de “logógrafos”.

Referências

Michael Gagarin, Dinarchus. Disponível em www.perseus.tufts.edu. Data da consulta: dezembro de 2003.

Créditos das ilustrações

i0300Moeda com Pégaso e Atena → Ver comentários.

Links externos

Imprenta

Artigo nº 0650
Esboço preparado em 24/12/2003.
Licença: CC BY-NC-ND 4.0
Como citar esta página:
RIBEIRO JR., W.A. Dinarco. Portal Graecia Antiqua, São Carlos. URL: greciantiga.org/arquivo.asp?num=0650. Consulta: 23/03/2017.
 
Portal Grécia Antiga ISBN 1679-5709 On-line desde 04/11/1997 f   t   i   i Sobre o Portal Ajuda FAQs Mapa do site Termos de uso 19/02/2017 ← novidades Contato Outras páginas do autor
 Wilson A. Ribeiro Jr., 1997-2017