logo
\ 190 palavras

A tecnologia grega

 
O teatro de Epidauro

A tecnologia grega envolvia, basicamente, a engenharia e a mecânica prática, áreas do conhecimento humano relacionadas com o planejamento, com a construção e com a manutenção de edificações e mecanismos de uso civil ou militar.

O uso de conhecimentos científicos para fins práticos remonta à Idade da Pedra. No mundo mediterrâneo, já nos primeiros séculos da Idade do Bronze foram realizadas obras notáveis de engenharia no Egito, na Mesopotâmia e em Creta, graças aos avanços da matemática e da geometria. Na Grécia Antiga, obras avançadas de engenharia começaram a ser construídas já no Período Micênico e, durante os períodos Arcaico e Clássico, a construção naval mostrou igualmente importantes avanços.

Quanto aos "mecanismos" ou "máquinas" (gr. μηχάνεμα, lat. machina), os aparelhos e equipamentos desenvolvidos pelos gregos durante o Período Helenístico eram, em sua maioria, considerados simples brinquedos. Somente a engenharia militar se desenvolveu significativamente nessa época, pois sua utilidade prática era reconhecida e respeitada.

Coletâneas do Portal

Passagens selecionadas, com tradução:

Lugar à parte entre as "invenções" gregas ocupa o célebre mecanismo de Anticitera, calculador mecânico montado no século -I por um astrônomo ou engenheiro anônimo para calcular a posição astronômica de certos astros.

leia mais