Græcia Antiqua INTRODUÇÃOARTECIÊNCIASFILOSOFIAGEOGRAFIAHISTÓRIALÍNGUALITERATURAMITOLOGIAMÚSICARELIGIÃO

Safo / Fragmentos

 
As damas de azul
TRADUÇÃO

Eis algumas passagens de Safo, notáveis pela delicada beleza dos versos e dos sentimentos retratados.

Fr. 47 / O vento
Eros agitou meu coração, como o vento passando pelos carvalhos da montanha.
Fr. 16 incertum [1] / Mulheres de Creta
As cretenses, antigamente, cantavam harmoniosamente e com pés delicados dançavam em volta de um adorável altar, na flor e na relva macia pisando suavemente.
Fr. 201 / A morte
morrer é ruim; assim os deuses decidiram, senão eles morreriam.
TEXTO GREGO
a

Notas

  1. Fragmento em dialeto eólico de atribuição incerta (Safo ou Alceu), usualmente associado a Safo.

Créditos das ilustrações

i0266As damas de azul → Ver comentários.

Imprenta

Artigo nº 0206
publicado em 14/10/1999.
Licença: CC BY-NC-ND 4.0
Como citar esta página:
RIBEIRO JR., W.A. Safo / Fragmentos. Portal Graecia Antiqua, São Carlos. URL: greciantiga.org/arquivo.asp?num=0206. Consulta: 17/08/2017.
 
Portal Grécia Antiga ISBN 1679-5709 On-line desde 04/11/1997 f   t   i   i Sobre o Portal Ajuda FAQs Mapa do site Termos de uso 30/04/2017 ← novidades Contato Outras páginas do autor
 Wilson A. Ribeiro Jr., 1997-2017